Trump quer igrejas e locais de oração abertos, por serem "essenciais"

– Related articles from other sources